so many things seem filled with the intent to be lost that their loss is no disaster. Lose something every day. Accept the fluster of lost door keys, the hour badly spent. Then practice losing farther, losing faster: places, and names, and where it was you meant to travel. None of these will bring disaster." (...)
- Elizabeth Bishop
"the art of losing isn’t hard to master;
home contact archive
" Amar não é ter que ter sempre certeza. É aceitar que ninguém é perfeito pra ninguém. É poder ser você mesmo, é não precisar fingir. É tentar esquecer e não conseguir fugir. "

(Source: decifro, via garota-heavymetal)